CENTRAL DE EMERGÊNCIAS 21 2621-5141

Retratamento Endodôntico

Agende sua consulta com nosso especialista! Telefone: (21) 3023-3876 | 2621-5141 E-mail: contato@oralodontologia.com.br

No consultório recebemos muitos pacientes com necessidade de retratar o(s) canal (is) de um dente, o que é uma pena, pois um tratamento realizado corretamente nunca precisa ser refeito. Como em alguns casos não existe dor, muitos pacientes questionam a necessidade do retratamento. Mas o questionamento não para por aí, e se estende desde à competência do profissional que realizou o serviço ao valor pago e perdido no primeiro tratamento. Afinal, refazer é sempre mais complicado para o dentista e mais dispendioso para o paciente, e o fato do trabalho já ter sido realizado (e pago!), apesar de com outro profissional, é desagradável.

O tratamento endodôntico é composto de várias etapas (as quais realizamos em um dia, na maioria dos casos):

- limpeza química e mecânica dos canais;

- alargamento dos canais;

- obturação (vedamento) dos canais.

Todas as etapas têm que ser realizadas com perfeição ou, no futuro, podemos ter problemas no sucesso do tratamento. E é indispensável o uso do isolamento absoluto (aquele lençol de borracha que evita a contaminação do dente com saliva durante o tratamento).

Uma vez detectada a necessidade de retratamento endodôntico, antes dessas etapas é preciso desobturar os canais, com muita segurança e cuidado, para não perfurar as raízes. São marcadas mais consultas, não devendo ser tudo realizado de uma vez só.

Finalizado com eficiência o retratamento e a reconstrução da parte coronária, devolvemos ao dente sua função correta na mastigação e recuperamos também a estética. Mas, como vimos, não é simples. Logo, procure sempre um especialista!